Lançamento: Novo Fiat 500 agora também é Five Hundred!

By -

500_sport_air_024Com nova construção, detalhes de acabamento renovados, mais opções de motores e transmissão, o pequeno carro quer ganhar a América
Por: Edison Ragassi
Fotos: Divulgação
Em Miami, na Florida, a Fiat mostrou para a imprensa especializada do Brasil e America Latina, o Novo Fiat 500.
Este carro chegou ao Brasil em setembro de 2009, importado da Polônia. Em principio era só um modelo de imagem que disputava o segmento de carros ‘cult’.
500_lounge_air&cult_002Após associar-se com a Chrysler, a fabricante italiana sentiu que o carrinho, uma releitura do Topolino, tem potencial para entrar no competitivo mercado americano. Isso porque as fabricantes procuram convencer os consumidores a comprar veículos menores, os quais consomem menos combustível e emitem baixos índices de poluentes.
500_lounge_air_038Para adequar-se as exigências americanas, o Fiat 500 passou por alterações estruturais. Recebeu absorvedores de impactos laterais, o volante e painel foram redesenhados. Para o exterior novos para-choques e refletores nas laterais, isso sem descaracterizar as linhas arredondadas que marcam o modelo. 
500_lounge_air_016

As principais alterações ocorreram na mecânica do 500, o qual passa a ser produzido no México em Toluca, na unidade produtiva da Chrysler. Ele agora usa na opção de entrada o motor 1.4 EVO Flex, o mesmo que equipa o Novo Uno. Este propulsor entrega potência máxima de 85 cv a gasolina e 88 cv a etanol. Seu torque máximo é de 12,4 kgfm (G) e 12,5 kgfm (E), sempre a 3.500 rpm. Esta versão está disponível com transmissão de cinco velocidades manual ou automatizada Dualogic, vinda da Itália.

500_sport_air_053

A outra opção de propulsor é 1.4 16V MultiAir a gasolina, ele oferece potência de 105 cv e torque máximo de 13,6 kgfm a 3.850 rpm. Neste caso, o comprador pode optar por câmbio manual de cinco marchas ou o automático de seis velocidades AISIN, feito no Japão.
500_lounge_air_034

Esta tecnologia MultiAir é nova, desenvolvida pela FPT- Fiat Powertrain Technologies. O sistema controla a entrada de ar e a combustão. Segundo os desenvolvedores, ele garante o controle dinâmico da entrada de ar cilindro por cilindro, através do acionamento eletro-hidráulico das válvulas. É um mecanismo muito mais preciso do que o utilizado nos motores convencionais.

500_lounge_air_053O dispositivo é constituído de um módulo totalmente integrado ao cabeçote. Este módulo recebe óleo sob pressão proveniente de uma bomba posicionada no próprio eixo de comando de válvulas, que também faz o acionamento das válvulas de descarga através do acionamento tradicional das cames de escapamento. A função de abertura das válvulas de aspiração é executada conforme a necessidade do motor, podendo ir de fixa (regime de potência máxima), até completamente variável (baixas cargas e/ou baixas e médias rotações).
500_sport_air_071500_lounge_air_039

Além disso, o Fiat 500 desde a versão de entrada sai de fábrica bem equipado, com: freios ABS, EBD, air bag duplo, ESS (Emergency Stop Signaling, ou sinalização de frenagem de emergência) direção elétrica Dual Drive, a qual substitui a tradicional direção hidráulica, com função SPORT, onde o motorista pode escolher dois modos de direção o normal, ou o modo Sport no qual a direção se torna mais firme, adequada a uma condução esportiva.

500_sport_air_010

Também foi feito um trabalho de recalibragem das suspensões, pois, as ruas, estradas e rodovias do território brasileiro são exigentes ao extremo.
No teste drive promovido pela Fiat nas amplas ruas de Miami, foi possível sentir que o carro ficou bem acertado. A versão com câmbio manual tem trocas macias e engates precisos. O motor 1.4L Fire EVO é bom de arranque e desenvolve velocidade rapidamente.
500_lounge_air_006

Já a transmissão automatizada Dualogic evoluiu, ficou mais firme, acabaram os trancos nas mudanças. E o modelo com o motor MultiAir e câmbio automático de seis marchas, surpreende pela sua eficiência e elasticidade.
500_lounge_air_017

O preço sugerido para venda do Fiat 500 na versão Cult (1.4 8V Flex) é de R$39.990 e R$42.990 Dualogic. O Sport AIR 1.4L 16V custa R$48.800 com câmbio manual e R$52.800 automático. Já o Lounge Automático sai por R$54.800.

500_prima_edizione_001

Para o lançamento, a fabricante preparou a versão especial Prima Edizione. São 500 carros numerados aplicados sobre a versão Sport Air. Sua estética exclusiva, externa e interna, ressalta a diferenciação e a esportividade do modelo. Ele está disponível em três cores: vermelho Sfrontato, branco Caldo e cinza Sfrenato, e todos são equipados com câmbio mecânico. Seu custo é de R$50.490.

A expectativa da Fiat é de comercializar de 1000 a 1500 unidades do Fiat 500 por mês, as peças de reposição serão importadas do México, pois a Fiat não pretende homologar fornecedores nacionais para estes itens.

autoagora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *