Dicas da Volkswagen para fazer uma boa viagem

By -

a-rodovia-dos-imigrantes-na-altura-do-km-27-sentido-baixada-santista-na-manha-desta-sexta-feira-segundo-a-ecovias-nao-ha-pontos-de-parada-1303488630199_615x300Planejamento e manutenção preventiva: fáceis e fundamentais
Excesso de carga envolve alto risco para segurança
Sugestões para uma viagem de férias sem sobressaltos

A Volkswagen preparou sugestões importantes para garantir a tranquilidade dos motoristas em relação à manutenção de seus veículos no período de férias escolares.

A proximidade das festas de fim de ano, para muita gente, significa carro na rodovia. Preparar-se para que as viagens de final de ano, sejam elas longas ou curtas, não exige muito.

Cuidados básicos
Mesmo que o veículo esteja em boas condições, é prudente fazer uma revisão rápida de alguns itens importantes. Para começar, aqueles que garantem a segurança, como pneus, luzes e limpadores de para-brisas.

Não se esqueça de calibrar os pneus antes de ir para a rodovia. Lembre-se de que, com o carro mais carregado, é preciso usar pressão maior – confira os números corretos no manual do veículo. E não esqueça nunca de verificar se o estepe está cheio e onde estão o macaco, a chave de roda e as ferramentas para remover as calotas ou rodas.

Verifique o desgaste dos pneus: se as ranhuras estiverem com menos de 1,6 mm de profundidade, troque-os. Para facilitar este exame, os pneus têm alguns pontos salientes dentro das ranhuras, ao longo da banda de rodagem, chamadas de TWI. Se eles estiverem muito próximos da superfície externa, é um sinal de alerta.

Mesmo que o planejado não seja viajar à noite, é bom verificar faróis, lanternas traseiras e piscas. Cheque também a luz da placa traseira. Uma medida que contribui para a segurança é andar  sempre com faróis baixos acesos. Isso torna seu carro mais visível para os outros motoristas.

Em grande parte do Brasil, o verão é uma estação de chuvas e temporais. Por isso, verifique o funcionamento do limpador de para-brisa e, se for o caso, troque as palhetas. Verifique a água e o funcionamento do lavador de para-brisa. Se pegar chuva, mantenha sempre os faróis acesos e aumente a distância para o veículo à sua frente.

03_VOLKS_ACC_1_16-12-11

E quando o assunto é manter uma distância segura, a Volkswagen já oferece em alguns de seus veículos a tecnologia do ACC (controle eletrônico de velocidade e distância), que acelera e freia o carro automaticamente de acordo com a distância e a velocidade previamente estabelecidas pelo motorista.

Na oficina
Uma visita rápida à oficina também é aconselhável. É fundamental verificar o desgaste das pastilhas e discos de freios. E é bom examinar o alinhamento e balanceamento das rodas – rodas desalinhadas podem provocar desgaste irregular e prematuro dos pneus, exigindo que sejam trocados muito antes do tempo, além de comprometer o comportamento dinâmico do veículo.

Também é bom conferir o estado dos amortecedores. Eles são importantes não só para o conforto, mas para a segurança. Lembre-se que, se o carro estiver lotado e com bagagem, eles serão mais sobrecarregados que o normal.

Um item muito importante são as correias do motor. Peça ao mecânico para se necessário substituí-las. A correia dentada, por exemplo, deve ser trocada nos períodos determinados pelo fabricante (veja no manual do carro). A correia poly-v também é importante, pois aciona as bombas hidráulicas, o ar-condicionado, o alternador e outros agregados do motor.

Verifique o nível do óleo do motor e, se estiver perto do momento da troca, antecipe-a. Cheque os filtros de ar, óleo e combustível. E o do ar-condicionado também. Lembre-se que um filtro de ar sujo pode aumentar o consumo de combustível em até 5%, além de reduzir o desempenho do motor. E veja também o nível do líquido de arrefecimento do motor.

Limites do carro e do motorista
O limite de carga está no manual do proprietário e não deve ser excedido. Levar peso demais força a suspensão, o motor, a transmissão e os freios, além de prejudicar a dirigibilidade.
Mesmo dentro dos limites recomendados, é importante lembrar que um automóvel levando cinco pessoas e bagagem se comporta de forma bem diferente do que no dia a dia na cidade.

Uma mudança fundamental é na distância de frenagem: é preciso mais espaço para parar. Portanto, evite andar muito perto do carro à sua frente e reduza a velocidade gradualmente, sempre que for possível. Na chuva, preste ainda mais atenção.

rodovia (9)

O carro carregado também tem comportamento diferente nas curvas. Evite sustos e surpresas desagradáveis, reduzindo a velocidade antes de entrar na curva. Às vezes, as velocidades indicadas nas placas nas estradas, próximo às curvas, podem parecer baixas demais, mas não estão lá por acaso. Elas foram calculadas para garantir a segurança e são uma boa referência.

Também é bom lembrar que um carro mais carregado acelera menos. É preciso mais espaço para ultrapassar, principalmente em subidas. Não arrisque. E tome cuidado, também, na hora de entrar numa rodovia movimentada.

Tome cuidado com a acomodação da bagagem. Procure colocar os objetos mais pesados mais para o fundo do porta-malas e, nas station wagons e nos utilitários, não ultrapasse a altura do encosto do banco traseiro. Lembre-se que objetos soltos dentro do carro podem ser arremessados contra os passageiros nas freadas fortes ou em caso de batidas, o que é especialmente perigoso para as crianças.

Por falar em crianças, recomenda-se que elas viajem no banco de trás e, dependendo da idade, têm de utilizar cadeirinhas ou um assento elevado, devidamente fixados e sempre com cinto de segurança. Recomende que todos os ocupantes do carro usem os cintos. Passageiros de trás não protegidos por eles, em caso de colisão, podem ser arremessados para frente, causando graves lesões a quem viaja na dianteira.

DB2011AU00685

Fadiga: não facilite
Por mais que queira chegar logo ao destino, nunca subestime o cansaço. A fadiga é uma das maiores causas de acidentes, principalmente se, além de fisicamente exausto, o motorista começar a sentir sono.

A transição entre uma leve sonolência e dormir ao volante costuma ser repentina e as consequências podem ser gravíssimas. Não facilite. Se sentir cansaço, pare assim que encontrar um lugar seguro, como em um posto de gasolina, restaurante ou área de descanso – sempre fora da rodovia ou do acostamento.

Truques como abrir o vidro, aumentar o volume do rádio e coisas semelhantes não adiantam. Portanto, descanse um pouco, desça do carro, tome um café, água ou refrigerante, coma alguma coisa leve, vá ao banheiro e, quando se sentir em condições, pode voltar a guiar. Não tenha pressa.

Dentro do portfólio de veículos oferecidos pela Volkswagen no Brasil, alguns modelos, como o Passat e o Novo Tiguan, contam com o detector de fadiga, uma tecnologia inovadora e exclusiva em seus respectivos segmentos.

Sistemas eletrônicos monitoram os primeiros 15 minutos de viagem e comparam com os parâmetros traçados ao longo do trajeto. Se esse recurso detectar a perda de concentração do motorista, o sistema avisará através de um sinal auditivo com cinco segundos de duração. Uma mensagem visual também aparece no painel de instrumentos, recomendando que o condutor pare para descansar. Caso o motorista não pare dentro dos próximos 15 minutos, o aviso é repetido.

1untitled

Na rodovia
Mesmo se a ideia é fazer uma viagem curta, em um caminho já conhecida, é importante um mínimo de planejamento para ter uma jornada tranquila. Para evitar engafarramentos, viaje em horários alternativos. Cada região e cada rodovi tem características diferentes – é bom se informar sobre as condições e previsões de trânsito por meio do rádio, dos serviços das empresas concessionárias de rodovias ou da polícia rodoviária.

02_VOLKS_SIDE-ASSIST1_16-12-11

E foi pensando justamente em situações de trânsito intenso que a Volkswagen desenvolveu o Side Assist, sistema que identifica e alerta o motorista sobre os pontos cegos do veículo. Dois sensores por radar, de 24 GHz, posicionados na parte traseira, monitoram a aproximação de outros carros em ângulos cegos.

Quando isso ocorre, o motorista é alertado por LEDs piscantes posicionados nos espelhos retrovisores externos.
Este sistema é extremamente útil em situações em que o motorista inicia uma troca de faixa e outro carro se aproxima no ponto cego. O sistema identifica a intenção do motorista pelo acionamento da seta.

Procure encher o tanque antes de começar a viagem. Em geral, o combustível é mais barato nas cidades do que nos postos ao longo da rodovia.

Motorista: o equipamento de segurança mais importante
A Volkswagen produz carros confiáveis e seguros, mas o principal elemento de segurança continua sendo o motorista. Seja qual for o modelo do automóvel, mesmo os que possuem o melhor e mais completo equipamento de segurança, com recursos eletrônicos avançados, a segurança depende do comportamento de quem está ao volante.

carro

O motorista é o responsável por sua integridade, a de sua família e a dos outros condutores e pedestres com quem cruzar pelo caminho. Lembre-se que as rodovias são ambientes coletivos e é preciso colocar o bem estar de todos acima do pessoal.

Para isso, respeite a sinalização e as regras básicas de trânsito – não falar ao celular, não ultrapassar pelo acostamento e ter paciência com os erros alheios.

autoagora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *