Lançamento: Fiat Mobi

By -

imagemSubcompacto chega como opção para quem necessita de um veículo urbano só é comercializado com motor 1.0L e traz sistema que integra o celular ao painel

Texto: Edison Ragassi/ Fotos: Divulgação

Em São Paulo, a FCA- Fiat Chrysler Automobiles, lançou no último dia 13/04, o Fiat Mobi. O carro é um subcompacto desenvolvido no Brasil e pensado para uso na cidade.  Os designers esforçaram-se para imprimir visual esportivo e robusto no modelo.

imagem (6)São duas grades na frente, a superior é grande e a inferior com desenho trapezoidal. O capô utiliza vincos que forma um ‘U’ e os faróis invadem os para-lamas.

imagem (1)Nas laterais, os para-choques são ressaltados, vincos ascendentes que passam por cima das maçanetas e adesivos nas colunas, os quais funcionam como molduras para a área envidraçada.

imagem (2)A traseira tem um grande vidro que funciona como vigia e tampa do porta-malas.

imagem (7)O subcompacto Fiat tem comprimento de 3.566 mm, largura de 1.633 mm, para uma distância entre os eixos de 2.305 mm. A altura do Mobi é de 1.502 mm, o volume do porta-malas é de 215 litros e o tanque recebe até 47 litros de combustível.

imagem (3)

imagem (8)No interior, o painel de instrumentos com iluminação a LED, tem o velocímetro grande, no centro um display de 3,5 polegadas com as informações do nível do tanque de combustível, temperatura do líquido de arrefecimento do motor, indicação para a troca de marcha (Shift Up/Down), o conta-giros e computador de bordo são opcionais.

imagem (9)A partir de julho, o comprador do Mobi pode optar por incluir o sistema Live On. Com ele, o celular é fixado no meio do painel, mas o aparelho também pode ficar em algum porta-objetos ou bolsa, por exemplo, e se torna o display do carro. A integração é feita por meio de um aplicativo específico. O objetivo é controlar com facilidade, por uma tela inicial própria, com atalhos, e por meio dos comandos no volante, o rádio e outros recursos do celular, como navegação, músicas e estações de rádio pela internet é compatível com sistemas Android ou iOS.

imagem (10)Na metade superior da tela inicial mostra hora, data e temperatura externa. Logo abaixo as informações do Eco Drive, recurso que analisa como o motorista está dirigindo em termos de economia, Car Parking, um aplicativo que ajuda a lembrar onde o carro foi estacionado, além de informar sobre restrições de trânsito, como o rodízio de placas em São Paulo.

imagem (4)Utiliza o propulsor Fire Evo com potência de 73 cv (G) 75 cv (E) a 6.250 rpm e torque de 9,5 kgfm (G)/ 9,9 kgfm (E) a 3.850 rpm. E o câmbio manual de 5 marchas. A suspensão dianteira é do tipo McPherson, a traseira com eixo de torção, rodas semi- independentes e os freios são a discos na dianteira e tambores na traseira.

Impressões ao dirigir

Para reforçar o apelo urbano do modelo, a Fiat promoveu o teste drive na área entre a marginal Pinheiros e a região da represa do Guarapiranga.

imagem (11)O conjunto motor câmbio ficou bem acertado, oferece trocas macias e precisas. Por se tratar de um motor 1.0L é esperto ao arrancar, desenvolve velocidade rapidamente e também para com segurança.

imagem (12)Painel de fácil visualização, comandos no volante intuitivos, enfim para o motorista que necessita de um veículo urbano, o Mobi atende as necessidades.

Preços, versões e conteúdos

Mobi Easy (R$ 31.900) traz de série: banco traseiro bipartido, para-choques pintados na cor da carroceria, Lane Change, ESS (aciona o pisca alerta numa freada brusca), rodas de 13 polegadas com calotas, retrovisores com comando interno e para-sol com espelho para o passageiro. Como opcionais há ar quente e o pacote Functional, composto por vidros dianteiros e travas elétricas, limpador e desembaçador do vidro traseiro e predisposição do rádio.

imagem (14)Mobi Easy On (R$ 35.800), além dos itens da Easy, tem o ar-condicionado, direção hidráulica e volante com regulagem de altura e rodas de 14 polegadas.

Mobi Like (R$ 37.900), além do conteúdo da Easy On, recebeu vidros e travas elétricas, predisposição de rádio, computador de bordo, chave telecomando, console central longo com porta copos para os passageiros do banco traseiro, limpador e desembaçador traseiro, cintos de segurança dianteiros ajustáveis em altura, maçanetas e retrovisores externos pintados na cor da carroceria, grade dianteira pintada em preto brilhante, comandos internos para abertura do bocal de combustível e do porta-malas, revestimento do porta-malas e Cargo Box. Os opcionais são os dois sistemas de som, rádio B7 e o Fiat Live On, ambos acompanhados de alarme e comandos no volante.

imagem (13)

Mobi Like On (R$ 42.300), incluíram rodas de liga leve 14 polegadas, faróis de neblina, banco do motorista com regulagem de altura, retrovisores elétricos com Tilt Down e repetidores de direção, kit Comfort (apoio para o pé esquerdo do motorista, porta-óculos e alças de segurança), sensores de estacionamento, tecidos diferenciados em duas cores com costuras brancas, alarme e rádio B7 com comandos no volante. Não há opcionais.

Mobi Way (R$ 39.300), a versão traz todos os itens da opção Like, com as barras longitudinais de teto, para-choques exclusivos e as molduras nas caixas das rodas, que são de 14 polegadas e suspensões elevadas. Os opcionais são os dois sistemas de som, rádio B7 e o Live On, ambos acompanhados de alarme e comandos no volante.

imagem (15)

Mobi Way On (R$ 43.800), nela o conteúdo é da Like On, com a adição de rodas de liga leve de 14 polegadas com desenho próprio e o console de teto com porta-objetos e espelho adicional.

autoagora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *