Blitze da Lei Seca

Fiat Uno sai de linha e ganha série comemorativa
Fiat Uno sai de linha e ganha série comemorativa
27/12/2021
Venda de veículos novos aumenta em 2021
Venda de veículos novos aumenta em 2021
06/01/2022
Blitze da Lei Seca

Blitze da Lei Seca/ Foto: Divulgação Detran-SP

Em São Paulo 92,8% das multas da Operação Direção Segura são por recusa ao teste do bafômetro

Por causa das restrições e isolamento provocados pela pandemia da Covid-19, a fiscalização com bafômetro para autuar motoristas alcoolizados foi suspensa.

No final de 2021 a Blitze da Lei Seca retornou e no mês de dezembro de 2021 foram autuados 305 motoristas no Estado de São Paulo. Deste total, 283 não aceitaram fazer o teste do bafômetro. Isso representa que 92,8% das multas aplicadas em dezembro de 2021 durante fiscalizações da Operação Direção Segura Integrada (ODSI) foram dadas a motoristas que se recusaram a fazer o teste do etilômetro (bafômetro). De um total de 305 multas registradas, 283 envolveram esse tipo de infração e 4 foram enquadradas em crime de trânsito, quando o condutor apresenta mais de 0,34% miligramas de álcool por litro de ar expelido.

Entre o feriado de Natal e Ano Novo, dias 22 e 29 de dezembro, foram feitas duas operações especiais na capital paulista. Dos 426 veículos fiscalizados, 32 motoristas (7,5%) foram multados por embriaguez ao volante ou por se recusarem a fazer o teste do bafômetro.

Blitze integrada

As blitze integram equipes do Detran.SP e das polícias Militar, Civil e Técnico-Científica. No total, foram aplicados 5.495 testes em 18 municípios paulistas por meio das ações, que visam a prevenção e redução de acidentes e mortes no trânsito causados pelo consumo de álcool combinado com direção.

Quem recusa fazer o teste do bafômetro é multado

Estes 283 motoristas multados por recusa ao teste do bafômetro, recebem uma multa no valor de R$ 2.934,70 cada e responderão a processo de suspensão da carteira de habilitação. No caso de reincidência no período de 12 meses a pena será aplicada em dobro, ou seja, R$ 5.869,40, além da cassação da CNH.

O mesmo ocorrerá com os 18 condutores (6% do total das multas aplicadas) que apresentaram até 0,33 % miligramas de álcool por litro de ar expelido e responderão a processo administrativo. Tanto dirigir sob a influência de álcool quanto recusar-se a soprar o bafômetro são consideradas infrações gravíssimas, de acordo com os artigos 165 e 165-A do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Já os quatro condutores autuados (1,5 % do total das infrações) por embriaguez ao volante que apresentaram mais de 0,34% miligramas de álcool por litro de ar expelido responderão na Justiça por crime de trânsito. Se condenados, poderão cumprir de seis meses a três anos de prisão, conforme prevê a Lei Seca, também conhecida como “tolerância zero”.

No total, 22 fiscalizações foram realizadas em dezembro durante as noites de sexta, sábado e madrugadas de domingo nas cidades de Taubaté, Brodowski, Santo  André, São Paulo, Praia Grande, São José do Rio Preto, Franca, Cubatão. Salto, São Caetano, Votuporanga, Hortolândia, São José dos Campos, Ribeirão Preto, Jaú, Registro, Catanduva e Rio Claro.

A definição do horário da ação tem explicação. Segundo levantamento realizado pelo Infosiga, sistema do Governo do Estado gerenciado pelo programa Respeito à Vida e Detran.SP, dos 892 óbitos de motoristas registrados no estado de São Paulo entre janeiro de 2019 e julho de 2021 com suspeita de embriaguez ao volante, 378 mortes (42,3%) aconteceram aos finais de semana no período noturno. Jovens entre 18 e 24 anos representam 18% das vítimas fatais.

Vale a dica, quando for dirigir não beba, nem uma pequena dose, pois não há tolerância. Quando for para uma festa ou confraternização, utilize transporte público, carro de aplicativo, ou então selecione o motorista da vez, ou seja, aquele que não irá beber.

Por: Redação-AutoAgora.com.br / Foto: Divulgação Detran-SP

autoagora.com.br
autoagora.com.br
O AutoAgora.com.br é um site criado pelo jornalista e radialista Edison Ragassi. Ele trabalha em veículos de comunicação desde 1988. Em 2001 especializou-se no setor automotivo como um todo. Desde a fabricação do veículo até o pós-vendas, incluindo o mercado de reposição independente. O principal objetivo do AutoAgora.com.br é auxiliar o leitor na compra, conservação, manutenção, venda, compartilhamento ou aluguel de um automóvel. Nosso objetivo é levar ao internauta a melhor informação sobre o setor automotivo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *