Os 10 carros mais roubados em São Paulo

Ford apresenta na Campus Party sistema interativo SYNC de 3ª Geração
26/01/2016
Volkswagen premia concessionárias de maior destaque com “Gold Pin”
04/02/2016

Especialista em monitoramento de veículos a Ituran (www.ituran.com.br) realizou um levantamento – na Grande São Paulo e Baixada Santista – onde aponta um aumento de 12% nos eventos (casos de roubo e furto) em relação ao ano passado. A média de registro é de 800 eventos por mês.

Com estudo realizado, com base em cerca de 400 mil veículos monitorados pela Ituran, a Zona Leste de São Paulo concentra o maior número de incidências – Itaquera lidera o ranking. Em seguida, São Matheus, Guaianases, Tatuapé, Ipiranga, Itaim Paulista, Vila Prudente, Penha, São Miguel e Sapopemba.

Entre as vias mais perigosas estão Avenida Jacu Pessego, Avenida Sapopemba, Marginal Tietê, Rodovia Fernão Dias, Estrado M Boi Mirim, Avenida Itaquera.

O dia preferido dos bandidos é a quinta-feira (16,6%), depois aparece quarta-feira (15,6%), terça-feira (15,4%), sexta-feira (14,4%), domingo (13,2%), sábado (12,6) e segunda-feira (12,5%). Dentre as cores mais visadas, a prata lidera (27%), seguida da preta (24%).

Os 10 Carros mais roubados na Grande SP e Baixada Santista em 2015:

Palio

Gol

Uno

Fox

Siena

Celta

Fiesta

Voyage

Corsa

Strada

O período noturno (21h ás 23h) é o mais perigoso, onde ocorre o maior numero de casos (20,1%), depois das 18h ás 20h (18,4%), das 12h ás 14h (16,1%), das 15h ás 17h (13, 8%), das 9h ás 11h (13,3%), das 6h ás 8h (8,4%), 0h ás 2h (6,0%), 3h ás 5h (3,9%).

Os modelos 2010-2016 representam a grande maioria dos modelos roubados/furtados (66%), depois 2007-2009 (18%).

1804

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *