Avaliação: Ford Territory Titanium

Avaliação: SUV VW T-Cross Comfortline 200 TSI 2021
Avaliação: SUV VW T-Cross Comfortline 200 TSI 2021
29/12/2020
Avaliação: Sedan Volvo S60 T8 Recharge R-Design
Avaliação: Sedan Volvo S60 T8 Recharge R-Design
05/02/2021
Avaliação: Ford Territory Titanium

Avaliação: Ford Territory Titanium/ Foto: Saulo Mazzoni

Avaliação: Ford Territory Titanium

Avaliação: Ford Territory Titanium/ Foto: Saulo Mazzoni

Utilitário esportivo médio importado da China tem motor turbo injeção direta, tecnologia de ponta e acabamento requintado

Lançado em agosto do ano passado (2020), o utilitário esportivo médio Ford Territory chegou para disputar mercado com modelos como Chevrolet Equinox, Jeep Compass e VW Tiguan. Ao ingressar neste segmento, o dos SUVs médios no mercado nacional, a estratégia foi diferente, pois quando lançou o EcoSport na categoria de SUV compacto, o modelo foi desenvolvido no Brasil, enquanto que o Territory chega importado da China.

Avaliação: Ford Territory Titanium

Ford Territory com a identidade Global da fabricante/ Foto: Saulo Mazzoni

O Ford Territory traz a identidade visual global da Ford. Na dianteira o capô alto com vincos nas extremidades. Os faróis são em LED, no centro a grade na cor preta com o símbolo azul oval no centro. Abaixo, o para-choque na cor da carroceria, acomoda nas extremidades as luzes de neblina e ao redor luzes de assinatura em LED. Há outra grade no formato trapezoidal e overbumper que sai da parte inferior. Traz ainda apliques na parte inferior dos para-choques e uma faixa escura que contorna toda a base da carroceria.

Avaliação: Ford Territory Titanium

Ford Territory Titanium, lateral com vincos e caixas de rodas com molduras / Foto: Saulo Mazzoni

Nas laterais o SUV Ford Territory tem área envidraçada grande, adesivos pretos nas colunas, retrovisor com luzes repetidoras. Os vincos ascendentes iniciam na curvatura dos para-lamas e terminam nas lanternas traseiras. As maçanetas são cromadas. As caixas de rodas com molduras são projetadas para fora. O Ford Territory Titanium, topo de linha, tem as barras no teto e teto solar elétrico. As rodas de liga leve 18 polegadas utilizam pneus 235/50 R18.

Avaliação: Ford Territory Titanium

Lanternas em LED e overbump que sai do para-choque / Foto: Saulo Mazzoni

Na traseira o SUV médio da Ford, tem o aerofólio que sai do teto com o break light, a terceira luz de freio. O vidro é retangular e na base aparece um fino friso cromado. As lanternas em LED avançam para a tampa do porta-malas, elas são ligadas por um friso maior cromado com o símbolo da Ford no centro. E abaixo está a moldura que acomoda a placa de identificação. O para-choque traseiro tem uma moldura na cor preta com refletores nas extremidades e um maior no centro. Abaixo outra moldura prata reforça o visual esportivo do utilitário esportivo.

Avaliação: Ford Territory Titanium Avaliação: Ford Territory Titanium Avaliação: Ford Territory Titanium / Porta-malas

Em dimensões, o SUV médio Ford chinês tem comprimento de 4,5 m. A distância entre-eixos é de 2,7 m e a largura de 1,9 m. No porta-malas a capacidade do Ford Territory versão Titanium é de 348 litros, sem rebater os bancos.

Avaliação: Ford Territory Titanium, interior claro e bancos revestidos parcialmente em couro

Na versão Titanium o interior é claro, os bancos são parcialmente em couro, com um sistema de aquecimento e resfriamento para os passageiros da frente. No acabamento, apliques de textura amadeirada e vários porta-objetos espalhados pela cabine de formatos diferentes.

Avaliação: Ford Territory Titanium

Console elevado e central multimídia com tela de 10″” / Foto: Saulo Mazzoni

O console central é elevado e o teto solar panorâmico elétrico é de série. O banco traseiro, além de um descansa-braço rebatível com porta-copo, conta com saídas do ar-condicionado automático digital e entrada USB.

A central multimídia SYNC Touch, foi desenvolvida exclusivamente para o Brasil e América do Sul. A tela é de 10,1 polegadas, com modos de exibição personalizados, oferece conexão sem fio com Apple CarPlay. Além disso é responsiva também ao Android Auto, porém, a conexão acontece com fio. Há o carregador sem fio para smartphone no console, com a tecnologia Qi que permite dois modos automáticos de carregamento.

No Territory há também um modem embarcado para acesso e comando remoto do veículo, o qual é utilizado com o aplicativo FordPass no celular e o sistema FordPass Connect.

Avaliação: Ford Territory Titanium

Ford Territory Titanium, motor 1.5 turbo com injeção direta / Foto: Saulo Mazzoni

Avaliação: SUV médio Ford Territory Titanium, motor e câmbio

O Ford Territory traz um motor 1.5 Turbo EcoBoost GTDI, movido a gasolina, com intercooler, injeção direta de combustível e comando de válvulas variável. Ele é acionado por corrente. Até então, este motor ainda não tinha sido utilizado em veículos comercializados pela Ford no Brasil. Ele entrega potência de 150 cv e torque de 22,9 kgfm, disponível na faixa de 1.500 a 4.000 rpm e trabalha com o câmbio CVT, o qual segundo a Ford, foi otimizado para o estilo de condução dos brasileiros. Conta ainda com a opção de trocas manuais de 8 marchas simuladas.

Avaliação: Ford Territory Titanium

Avaliação: Ford Territory Titanium/ Foto: Saulo Mazzoni

Avaliação: SUV médio Ford Territory Titanium, impressões ao dirigir

Logo ao entrar no Ford Territory Titanium, o motorista percebe que se trata de um veículo muito requintado e com excelente acabamento. O volante revestido em couro é multifuncional. É possível mudar a grafia do painel, já que ele é digital. Tanto o painel como o multimídia SYNC são intuitivos, fáceis de entender, mas vale navegar nos comandos com o carro parado para utilizar melhor todas as funções oferecidas. Sem a tradicional chave, a ignição do motor é feita ao apertar o botão, desde que o sensor esteja próximo.

Avaliação: Ford Territory Titanium

Ford Territory com o câmbio CVT e 8 marchas simuladas/ Foto: Saulo Mazzoni

Para tirar o SUV da posição estática é só mover a alavanca até o D e na sequencia pressionar levemente o acelerador. Este arranque inicial não é tão empolgante, mas depois ele desenvolve velocidade de maneira constante. Ao passar por valetas e lombadas, os conjuntos de suspensões (dianteira, independente McPherson e independente multibraço na traseira), absorvem bem estes impactos. A Ford inclusive divulga que o Territory comercializado aqui tem as buchas de suspensão, os amortecedores e pneus específicos para as condições do terreno brasileiro.

Avaliação: Ford Territory Titanium

Avaliação: Ford Territory Titanium/ Foto: Saulo Mazzoni

Em situações comuns encontradas ao rodar na cidade, o anda e para no transito, frenagens constantes, ou em uma subida, ele responde de maneira satisfatória. Ao realizar manobras de estacionamento, o motorista pode optar por deixar o sistema que estaciona sozinho, em diagonal ou perpendicular, fazer o processo. Porém, se fizer a manobra manualmente as câmeras 3D permitem visão total (assista ao vídeo que mostra como o sistema funciona). A direção com assistência elétrica está bem calibrada e proporciona esterçar facilmente.

Quando o Territory vai para a estrada não decepciona. Desenvolve velocidade rapidamente, é estável nas curvas, proporciona ultrapassagens seguras. Acelerações e retomadas consistentes.

Avaliação: Ford Territory Titanium/ Interior Avaliação: Ford Territory Titanium

O espaço para os ocupantes do banco traseiro atende as expectativas de quem busca um veículo deste porte, assim como a capacidade do porta-malas.

Avaliação: Ford Territory Titanium

Avaliação: Ford Territory Titanium/ Foto: Saulo Mazzoni

Qual é o consumo de combustível do Ford Territory?

O consumo de combustível do Ford Territory Titanium divulgado pela empresa é de 9,2 km/L na cidade e 10 km/L na estrada. Como o consumo está relacionado a maneira que o motorista utiliza o veículo e também o local onde circula, nesta Avaliação registramos no computador de bordo o consumo médio de gasolina de 8,6 km/L na cidade e 9,7 km/L na estrada, isso com o ar-condicionado ligado.

Avaliação: Ford Territory Titanium

Foto: Saulo Mazzoni

Quanto custa o Ford Territory e onde é fabricado?

Esta versão avaliada é a topo de linha Ford Titanium 1.5 Turbo EcoBoost GTDi, o preço sugerido é de R$ 197.900. Ele é fabricado na China e as cores disponíveis são, o Branco Bariloche, Marrom Roma, Prata Maiorca, Preto Toronto, Vermelho Vermont (perolizada) e Azul Santorini, todas sem custo adicional.

Entre os itens de série, o Ford Territory no exterior traz:

  • Faróis, luzes diurnas e lanternas traseiras em LED
  • Faróis com temporizador (Follow me home)
Avaliação: Ford Territory Titanium

Teto solar panorâmico é item de série no Ford Territory/ Foto: Saulo Mazzoni

 

  • Faróis de neblina dianteiros
  • Retrovisores externos na cor do veiculo e luzes indicadoras de direção
  • Retrovisores externos com ajuste elétrico
  • Antena tipo barbatana de tubarão
  • Luzes de aproximação nos retrovisores
  • Retrovisores externos com rebatimento elétrico
  • Maçanetas cromadas

Na parte interior, o Ford Territory Titanium 1.5 Turbo EcoBoost GTDi é equipado com:

  • Ar-condicionado automático digital com saída para os bancos traseiros
  • Vidros elétricos com abertura e fechamento com um toque para cima/baixo
  • Console central com porta-objetos e descansa-braço
  • Banco traseiro bipartido, rebatível, com apoio de braço central e porta-copos
  • Volante multifuncional em couro com ajuste manual em 2 posições
  • Bancos parcialmente em couro e revestimento premium na cor bege
  • Bancos dianteiros com aquecimento e resfriamento controlável
  • Luz ambiente configurável em 7 opções de cores e intensidade
  • Fechamento global de portas, vidros e teto solar
  • Ajuste manual do volante em 4 posições
  • Banco do motorista com ajuste elétrico em 10 posições
  • Banco do passageiro com ajuste manual de 4 posições
Avaliação: Ford Territory Titanium

Retrovisores com lâmpadas repetidoras e câmera do sistema 3D/ Foto: Saulo Mazzoni

Entre os equipamentos de segurança para o motorista e passageiros, o Ford Territory Titanium tem:

  • 6 Airbags (frontais, laterais e cortina)
  • AdvanceTrac – Controle eletrônico de estabilidade (ESC) e tração (TCS)
  • Assistente de partida em rampas (HLA)
  • Sensor de monitoramento de pressão dos pneus
  • Espelho retrovisor interno eletrocrômico
  • ISOFIX – Ganchos de fixação de cadeiras de crianças
  • Aviso de utilização do cinto de segurança (motorista/passageiro)
  • Sistema de alerta de colisão e frenagem autônoma de emergência (AEB)
  • Sistema de monitoramento de ponto cego (BLIS)
  • Alerta de mudança de faixa

Confira o vídeo com o sistema de câmeras 3D e assistente de estacionamento 

O Ford Territory Titanum utiliza sistemas semi-autônomos:

  • Câmera 360º com visualização panorâmica
  • Piloto automático adaptativo com Stop and Go
  • Painel de instrumentos digital configurável com tela HD de 10″
  • Sistema de estacionamento automático
  • Sensor de estacionamento dianteiro
  • Carregador sem fio de celular
  • Acendimento automático dos faróis
  • Sensor de chuva
  • Sensor de estacionamento traseiro
  • Chave com sensor de presença para acesso inteligente e partida sem chave –Ford Power
  • Computador de bordo
  • Tomada 12 V
Avaliação: Ford Territory Titanium

Avaliação: Ford Territory Titanium/ Foto: Saulo Mazzoni

Neste mês de janeiro, a Ford comunicou o mercado que não vai sair do Brasil. A Ford continua a comercializar automóveis, porém, agora só importados e assim deixa de produzir no território nacional. Por isso, as vendas do Ka, hatch e sedã e do EcoSport serão realizadas até o final dos estoques nas concessionárias. Depois disso, nas revendas autorizadas da marca do oval azul o cliente encontrará a picape média Ford Ranger, a qual é fabricada na Argentina, o SUV médio Ford Territory que é produzido na China e o Ford Mustang feito nos Estados Unidos. Os planos são de ainda este ano lançar o SUV compacto Ford Bronco, o qual disputará mercado diretamente com o Jeep Renegade, o Mustang Mach 1 e a van Transit montada no Uruguai. Ainda integra esta estratégia comercializar os modelos eletrificados.  Ainda como consequência de encerrar a fabricação de automóveis no Brasil, a rede de concessionárias também irá diminuir, as projeções são de que das atuais 283 concessionárias, passe para 120 lojas, em média no País.

Por: Edison Ragassi / Fotos: Saulo Mazzoni

Avaliação: Ford Territory Titanium

Foto: Saulo Mazzoni

Ficha técnica Ford Territory Titanium

Motor: 1.5 Turbo EcoBoost GTDi

Número de cilindros:  4 em linha

Taxa de compressão: 11,42:1

Injeção de combustível: Direta

Combustível: Gasolina

Potência: 150 cv a 5.300 rpm

Torque: 22,9 kgfm (entre 1.500-4.000 rpm)

Transmissão

Câmbio:  Automático CVT com 8 marchas simuladas

Tração: Dianteira

Direção: Assistência elétrica (EPAS)

Suspensão

Dianteira: Independente  McPherson

Traseira: Independente Multilink

Freios

Dianteiro: Discos ventilados de 292 mm

Traseiro:  Discos sólidos de 301,5 mm

Rodas e pneus

Rodas: Liga leve 18″

Pneus: 235/50 R18

Dimensões / Capacidades

Comprimento: 4.580 mm

Largura com espelho: 2.179 mm

Entre-eixos: 2.716 mm

Altura: 1.674 mm

Porta-malas: 348 litros

Tanque de combustível: 52 litros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *